O que não ser e não fazer em uma competição

10:09 Iaina Estrela 2 Comments

BOM DIA HUMANOS!
Estou de volta a ativa e irei atualizar o blog novamente sempre que possível (e vou deixar alguns posts jah programados para não se sentirem sozinhos esta semana.
Vamos começar com um bafafá que andou rolando ai na internet a uns dias atrás, eu não vou falar do caso em específico, mas da situação que com certeza acontece em vários concursos no Brasil e não somente em competições nacionais.


-ESTRELINHAS
Sempre haverão estrelinhas, pessoas que em um ponto começas a se achar a socialight do cosplay, muitas ficam borçais, anti sociais, metidas...solução? Ignore, não vão te acrescentar em nada, a competição fica bem masi divertida se aproximando de pessoas que possam virar amigos, te ajudar com o que você precisar, compartilhar conhecimentos e transformar a competição em uma festa.
*Rivalidade é muito feio hein


-MAL PERDEDORES
Outro tipo de pessoa que sempre vai existi. Vai procurar defeito na apresentação dos outros, vai tentar tirar motivo para desclassificação do buraco, vai fazer drama com os juízes, vai reclamar do evento. Outro tipo de coisa que deve ser ignorada, só faz as pessoas em volta se sentirem mal e na maioria das vezes só provoca discussão e aborrecimento.



-VEJA AS REGRAS
Cada competição tem um formato diferente e pesos diferentes nos mais variados quesitos. Leia todas as regras direitinho porque só se pode reclamar conhecendo do que se está falando.
Se o formato de competição não te agradou...saia, vá para a concorrência, se você assinou a inscrição você está concordando com aquelas regras e presume-se que você leu e conhece todas; não venha chorar depois, todos estavam sob as mesmas condições.


-XINGAR MUITO NO TWITTER

E agora que perdeu vai pagar o papel ridículo de reclamar em redes sociais, e pra completar acha um monte de gente que nunca participou de uma competição para apoiar e denegrir a imagem dos outros. Tenho vergonha destas crianças, a maioria delas nunca lembra que todos os outros competidores estavam sujeitos as mesmas regras, aos mesmos problemas, tiveram tanto trabalho quando, passaram talvez por dificuldades que você nunca vai saber (como problemas em casa, não conseguir terminar o que queria a tempo, problemas financeiros) , para fazer seu cosplay, montar sua apresentação e se deslocar até o evento.
A capacidade e esforço de ninguém deve ser desmerecida.


-QUANTO GASTOU
Orçamento não está mencionado em regra alguma. Você pode gastar horrores e o cosplay não ficar bom, como também gastar pouco e o cos ficar riquíssimo, os juízes estão pouco se lixando pra isso. 
O que vai influenciar  é a complexidade e o quão bem você executou, quanto mais simples for, mais se enforce para trabalhar os pequenos detalhes, você pode acabar com uma nota tão boa quanto a de uma armadura gigantesca mas que falhou no perfeccionismo.
Lembre-se: na maioria das competições a nota é composta por vários quesitos de peso igual, neste caso você não vai conseguir ganhar se só o cos estiver fantástico e no palco acabar dando bobeira (vai derrubar sua média final).

- O PRÊMIO
Já se foi o tempo em que a galera ficava feliz com coleção de mangá e chaveirinho como prêmio. E eu não acho ruin não, a final é bom ter um retorno da quantidade de vezes que a gente fez cos e não teve nada em retorno. O problema está em quando o prêmio vira o foco e motivo por estar na competição, a pessoa fica muito mais competitiva e faz besteiras como virar estrelinha, mal perdedor ou xingador de twitter. Talvez eu seja romântica demais, mas ainda faço cosplay e entro em competições pela viagem, pelos amigos que vou fazer, a bagunça e colaboração nos backstages que é impagável, o prêmio é uma surpresa feliz.

Obrigada a todos os competidores/amigos deste YCC 2012, estão todos no meu coração e espero ver todos vocês novamente em breve. Valeu as risadas, as conversas, os segredos, o apoio, socorro, a comemoração, os sorrisos e claro obrigada pela competição que foi linda e muito divertida, admiro cada um de vocês e podem contar comigo.
Obrigada a coordenação que se esforçou para que tivessemos tudo tudo que precisávamos no horário e da melhor forma possível (e por nos aturar também, porque a gente não deve arrumar pouco problema não).
E no mais...Helder...cadê meu crachá?

2 comentários:

  1. LINDO!!!!! Perfeito esse post !!! e concordo: Helder, cadê meu crachá??????

    ResponderExcluir
  2. Muito legal esse post, esse ano não pude acompanhar o YCC se teria torcido por você desde o começo ^^

    http://entrelivrosesonhos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir